European Portuguese (pt_PT) glossary thread


#1

European Portuguese • Português de Portugal

This thread is dedicated to the discussion of the terminology used in the European Portuguese (pt_PT) translation. Posts will be mostly written in Portuguese.

Este thread destina-se à discussão dos termos usados na tradução em Português de Portugal (pt_PT). A maior parte dos conteúdos estará em Português.

The latest translation dictionary is available on Transifex. Reviewers are welcome! Please let’s keep the discussion in this forum.

Some of the posts below are wiki posts, so they can be edited by other collaborators in the translation team. Feel free to ping @pferreir if you’d like to be added.


Portuguese (pt) translation group
#2

Glossário

LecturePalestra
MeetingReunião
ConferenceConferência
TimetableHorário
Track → *Temática

Grafia

O Acordo Ortográfico de 1990, independentemente do que uns ou outros pensem dele, é a norma oficial no que toca à grafia do Português de ambos os lados do Atlântico. Por isso, esta tradução será sempre baseada nele.

É sabido que o AO1990 introduz uma série de casos particulares onde as variantes divergem e parecem contrariar a regra, e que devem sempre ser interpretados de acordo com o que é o uso corrente da Língua em Portugal.

Clarificação de casos particulares

  • Facto e não fato
  • Aspeto e não aspecto

Regras gramaticais

  • O utilizador é tratado na terceira pessoa do singular, como é prática comum em todo o software de língua portuguesa;
  • A utilização de “você” é bastante controversa em Portugal, pelo que se sugere a omissão do sujeito, que é menos comprometedora a nível da (in)formalidade do registo e parece deixar toda a gente contente:
    • Você quer guardas as alterações?
    • Você está prestes a apagar este evento.
  • Os pronomes demonstrativos devem estar normalmente na primeira pessoa:
    • este evento está protegido e não esse evento está protegido

Anglicismos

A utlização de anglicismos é menos polémica em Portugal do que noutros países europeus, mas deve ser limitada a termos que sejam usados correntemente na forma original em Portugal (p. ex. scanner, e-mail…) ou que não tenham ainda forma estabelecida (p. ex. Community Hub)